A importância de criar uma tabela de medidas virtual

Publicado em 13 de janeiro de 2021, por Júlia Marreto

Em uma loja física é muito comum que as pessoas queiram experimentar as roupas antes de comprar. Afinal de contas, é melhor ter a certeza de que a roupa ficará perfeita no corpo antes de fazer o investimento. Mas nem sempre isso é possível, menos ainda quando falamos sobre vendas online. E é exatamente nesse momento que entra a tabela de medidas, uma ferramenta simples e extremamente útil, que ajuda os clientes a realizarem compras mais assertivas, diminuindo as chances de trocas e devoluções.

Sabemos que os tamanhos podem variar entre pequeno, médio e grande. Também podem variar de acordo com numeração e tantas outras características, a depender da peça.

Além disso, cada marca possui suas próprias medidas. É por isso que um vestido de tamanho G em uma loja pode ficar excelente em uma pessoa e um vestido também de tamanho G em outra loja pode ficar muito grande ou muito apertado.

 

Como saber o tamanho exato de uma peça em uma loja online?

tabela de medidas

Se você já teve a experiência de realizar uma compra online (ou em loja física sem poder experimentar) e quando pôde experimentar o produto não serviu, sabe o quanto essa é uma situação frustrante. Por isso, uma das formas de aumentar a confiança do cliente, aumentar as vendas e diminuir as trocas e devoluções é criar uma tabela de medidas com as mais diversas possibilidades de tamanhos.

Outro ponto importante da tabela de medidas é que, para você comerciante, ela te ajuda a evitar possíveis problemas futuros. Especialmente se estiver acompanhada de um bem redigido Termo de Serviço, te assegurando quando um cliente quiser devolver um produto, por exemplo.

 

Como criar uma tabela de medidas para a sua loja online

tabela de medidas

1. Tenha vários tipos de tabelas com tamanhos bem definidos

O primeiro passo é garantir que os tamanhos oferecidos pela sua loja sejam facilmente compreendidos. Os clientes precisam de perspectiva e escala ao realizarem compras online. Isso porque o cliente não tem certeza de como a roupa irá se encaixar no corpo, então ter uma referência de comparação com o tipo de corpo deles fará com que se sintam mais confiantes para realizarem a compra.

Por exemplo, se as roupas que você comercializa são medidas em P, M e G, você pode oferecer tamanhos numéricos para comprar, como 44 para o médio e 46 para grande. Outras informações válidas são medidas comuns, como comprimento e largura dos ombros em centímetros.

Outra dica muito importante é não usar o “tamanho único”. Isso porque você vai perder muito tempo explicando ao seu cliente em quais tamanhos essa peça servirá melhor. Além disso, se você oferece mais de um tipo de vestuário (calças, camisetas, vestidos etc.) crie uma tabela para cada tipo de produto.

Por exemplo, uma tabela de medidas para camisetas, uma tabela de medidas para calças e outra para vestidos. A mesma “regrinha” vale para os comerciantes que vendem roupas para homens, mulheres e crianças. Ter uma tabela de medidas para cada tipo vai facilitar (e muito!) o seu cliente a tomar a decisão de compra.

 

2. Simplifique a pesquisa para o seu cliente

Forneça a possibilidade de medição sem a necessidade de o cliente saber suas medidas exatas. Nem todo mundo possui fita métrica em casa. Mas, atualmente, já existem softwares que utilizam um algoritmo para calcular o tamanho de uma pessoa, através de informações como sua altura, peso, idade e tamanho de calçado.

Além disso, deixe na tabela apenas os tamanhos disponíveis para aquela peça.

Explique corretamente o que cada medida representa no corpo do cliente. Utilize imagens e textos para que o cliente possa entender como aferir e comparar corretamente suas medidas corporais com a tabela de medidas corpo da peça.

 

3. Deixe a tabela em fácil acesso

Coloque informações das medidas na foto do produto. Melhor ainda é deixar a tabela daquele produto específico de forma que a pessoa tenha fácil acesso (possa abri-la) sem precisar sair da página do produto em questão.

Uma das melhores formas de compartilhar com o cliente as especificações de um produto é incluí-las na foto do próprio produto ou ter um link que crie um pop-up na tela.

Essas ações evitam que o cliente precise sair da página do produto e acabe “se perdendo” no site.

 

4. Ofereça a opção de avaliação e comentários

Na caixa de comentários deixe a opção de marcar o tamanho da peça que o cliente comprou. Procure fazer uma pesquisa de satisfação do cliente que comprou na sua loja.

Depois peça para o seu cliente compartilhar a experiência que teve nos comentários. A maioria das pessoas que compram online, antes de realizar uma compra, costumam ler os comentários de quem já comprou.

Essa avaliação é muito importante para que os outros clientes consigam identificar qual o melhor tamanho para o tipo de corpo de cada um. Através dos comentários, as pessoas que já compraram podem dizer suas medidas, qual tamanho comprou e se ficou grande, pequeno ou bom, por exemplo.

Outra dica é sugerir uma classificação dos produtos como pequenos, grandes ou certos. Essas alternativas podem ajudar seus clientes a tomarem a decisão de compra, aumentando sua confiança no tamanho real do produto.

5. Aceite trocas e devoluções

Esse é um direito do consumidor. Por isso, não dificulte para o seu cliente caso ele queira devolver ou trocar alguma peça que tenha comprado. Mesmo que a sua Política de Devolução seja uma parte diferente da experiência de compra, ela afetará a maneira como os clientes se sentem em relação a encontrar o tamanho certo e realizar a compra.

Dessa forma, tenha uma política de devolução flexível e clara, assim você aumenta a confiança do cliente em relação à sua loja, pois terão tranquilidade ao saber que, mesmo que eles peçam um produto que não se encaixe corretamente, poderão obter o tamanho correto ou ter o dinheiro de volta.

Deixe essa informação de troca bem evidente na sua loja online para que o cliente visualize com facilidade. Para quem tem loja online e física, é uma ótima opção deixar que troquem os produtos comprados online, na loja física.

Essa é uma opção atraente, pois os clientes podem querer um reembolso imediato (em vez de esperar que as devoluções sejam entregues pelo correio) ou podem querer garantir que possam trocar um item pelo tamanho correto.

Para garantir peças com qualidade a preços incrivelmente baixos, você precisa conhecer as lojas do Shopping Gallo.

Se você possui um e-commerce e está em busca de um espaço físico para montar a sua loja, fale com a gente e tenha a sua loja no Shopping Gallo. O maior e mais completo shopping da região da 44!

Shopping Gallo o melhor pra comprar, o melhor pra você!

Posts Relacionados

Qual a melhor forma de fazer cobranças online?
06 de janeiro de 2021

Qual a melhor forma de fazer cobranças online?

Se você já tem uma loja virtual ou vende seus produtos através de aplicativos como WhatsApp, Instagram e Facebook, eventualmente conhece muitas formas [...]

Continuar lendo
Shopping Digital: um bom aliado nas vendas
27 de novembro de 2020

Shopping Digital: um bom aliado nas vendas

As vendas pela internet nunca cresceram tanto e em tão pouco tempo quanto neste último ainda que ainda nem acabou! Optar por um [...]

Continuar lendo

Receba as novidades do Shopping Gallo

  • YouTube
  • Linkedin
  • Facebook
  • Instagram